A missão do músico no plano de salvação

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

O mundo tem vários meios para abalar as emoções de multidões, mas a missão do cristão como evangelizador está no que vem depois
Muito se fala sobre a missão do músico na evangelização em razão do potencial atrativo que a beleza da arte exerce sobre a sociedade sofrida. Contudo, dentro de muitas igrejas a música ainda é vista mais como forma de entretenimento e beleza do que como oportunidade de experiência com a Pessoa de Cristo. Os shows de muitos artistas seculares são cada vez mais atrativos e oferecem cada vez mais qualidade técnica e artística.

750x430 - Capa Musica
E qual é mesmo a missão real da arte?

O ser humano desenvolve ao longo da vida inúmeras barreiras emocionais para se proteger do sofrimento. Nosso consciente aprende a administrar as emoções de forma que elas fiquem contidas e sociáveis; algumas vezes, escondidas. Sentimentos como tristeza, alegria, decepção, medo, raiva, amor e amizade fazem parte de nossa intimidade, área à qual poucos têm acesso. E é aí que entram o papel e o poder da arte! A beleza gerada pela interpretação, pela música, pela dança e pelo teatro tem a capacidade de atrair, de gerar emoção e, assim, atingir nosso íntimo. E nesse ponto é importante que a apresentação seja boa tecnicamente. Se não há beleza, a mensagem se perde por não ser atrativa e erra no primeiro degrau da missão.
Para que a mensagem seja ouvida, o ouvinte tem de estar atento, tem de ser “fisgado” pelo atrativo que lhe é apresentado. E, quando isso acontece, algo fundamental ocorre: temos acesso à intimidade do outro. Assim, alguém que nunca havia partilhado o sofrimento vivido com ninguém, ao ouvir uma canção ungida, bela e emocionante chora e abre o coração.
Desse modo uma lembrança que havia sido enterrada e esquecida volta à tona e faz com que os sentimentos se aflorem. Pronto! A arte cumpriu seu primeiro papel de driblar nossas defesas emocionais e conseguir chegar ao interior dos corações com sua beleza.
No entanto, esse é só o primeiro passo. E, até esse ponto, a arte do mundo secular está muito mais avançada do que a arte cristã. Os filmes, as peças teatrais e as músicas conseguem abalar as emoções de multidões. Como cristãos, o nosso diferencial, a nossa missão verdadeira como evangelizadores, está no que vem depois. Quando as defesas dos espectadores se abaixam é chegada a hora de apresentar o Amor, a Pessoa que pode transformar todo aquele interior em uma nova realidade, mais viva, feliz, inteira, pacífica e livre.
Todo o nosso esforço técnico deve ser empregado para que tenhamos a oportunidade de chegar a esse momento e promover esse encontro. Contudo, quando aí chegamos, só podemos oferecer o que já é nosso. Só poderemos apresentar o Senhor ao outro, com profundidade, detalhes e verdade, se formos íntimos d’Ele.
A experiência de Jesus Cristo não pode ser narrada, tem que ser vivida e dividida. E essa graça é assimilada na nossa humanidade no dia a dia e pode ser partilhada com os outros por intermédio de nosso ministério. Nesse momento, não há mais somente a pregação, que também é um importante atrativo e, sim, a fé provada, vivida e testemunhada. É preciso que nosso lugar de intimidade com Deus esteja povoado por esse Amor para que os outros se convençam de que Ele é real e, desse modo, se rendam a essa experiência.
Fico feliz quando vejo um show com grande qualidade técnica e forte espiritualidade cristã. E peço a Deus que assim seja e que possamos cada vez mais crescer tecnicamente. Pois o que vai transformar o mundo é o quanto conhecemos do Filho de Deus e o quanto já permitimos que Ele se torne o centro de nossa vida, o morador permanente de nossa alma.
Por essa razão, vamos investir em nossa vida com Deus, gastar tempo com Ele, permitir que Ele entre nos locais mais escuros e escondidos de nossa alma para que saibamos mostrar o caminho àqueles que bebem de nossa arte.  

A nossa missão real é ser de Deus!

0 comentários:

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson
Bênção da reforma da Capela Santo Antônio

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

PC Magazine

PC Magazine
Informática e Eletrônicos

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Fotos

Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sexta-feira -06:00hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

Siga o Armadura por e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó