Comemoração do Aniversário do Padre Marcondes

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Na noite da última quarta-feira(29/01), paroquianos, familiares e amigos comemoraram os 40 anos do Padre Marcondes Meneses no salão da Paróquia Menino Jesus de Praga .

 

Os paroquianos Moézio e Lucélia animaram a festa com uma seleção musical especial

Amigos e admiradores do Pe. Marcondes se fizeram presentes para render-lhe homenagens

Diácono Roberto, Padre Bento (ex seminarista na Paróquia Menino Jesus de Praga) e Padre Marcondes
  
O Diac. Roberto comandou o momento de homenagens ao lado de Pe. Djacy Brasileiro e Pe. Bento Oliveira

 Momento marcante quando Pe. Djacy, Pe. Bento e Diac. Roberto, juntos com os presentes, impõem as mãos sobre Pe. Marcondes para render-lhe oração e bênção

Ao final Padre Marcondes agradeceu pelo dom da vida

 Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do Jantar registradas pelo Armadura do Cristão


Francisco participará do 37º Congresso da Renovação Carismática

O Papa Francisco participará do 37º Congresso da Renovação Carismática Católica, em Roma, nos dias 1 e 2 de junho próximo.

O anúncio foi feito pelo coordenador do movimento, Salvatore Martinez, em uma entrevista à Rádio Vaticano.

"A emoção e comoção de todos os membros da Renovação são grandes, mas, honestamente, eu não imaginava que ele se uniria a nós com tanta simplicidade, generosidade e paternidade. Será, então, como um grande cenáculo aberto", afirma Salvatore.

O evento será realizado no estádio olímpico de Roma e terá como tema: "Convertei-vos! Acrediteis! Recebei o Espírito Santo! Por uma Igreja em saída missionária".

Com informações de Canção Nova Notícias.
Da redação do Portal Ecclesia.

Papa: exultamos por um gol, mas louvamos a Deus com frieza

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

A oração de louvor nos faz fecundos: foi o que afirmou o Papa Francisco na missa desta manhã na Casa Santa Marta. O Papa desenvolveu sua homilia a partir da primeira leitura, extraída do segundo livro de Samuel, que narra a dança de Davi diante do Senhor.

Todo o povo de Deus estava em festa, porque a Arca da Aliança havia regressado à casa. A oração de louvor de Davi o levou a perder a compostura e dançar diante do Senhor com todas as suas forças. Este trecho, comentou o Pontífice, o levou a pensar em Sara, que dançou de alegria depois de dar à luz. Para nós, comentou Francisco, é fácil entender a oração para pedir uma coisa ao Senhor, ou mesmo para agradecer-lhe, mas a oração de louvor não nos vem de maneira tão espontânea:

"'Mas, Padre, isso é para aqueles da renovação no Espírito, não para todos os cristãos!'. Não, a oração de louvor é uma oração cristã para todos nós! Na missa, todos os dias, quando cantamos o Santo... Esta é uma oração de louvor: louvamos a Deus pela sua grandeza, porque é grande! E dizemos a Ele coisas belas, porque gostamos disso. 'Mas, Padre, eu não sou capaz...' - alguém pode dizer. Mas se é capaz de gritar quando seu time marca um gol, não é capaz de louvar ao Senhor? De perder um pouco a compostura para cantar? Louvar a Deus é totalmente gratuito! Não pedimos, não agradecemos: louvamos!".

Devemos rezar "com todo o coração", prosseguiu o Papa: "É um ato inclusive de justiça, porque Ele é grande! É o nosso Deus!".

"Uma boa pergunta que nós podemos nos fazer hoje: 'Mas como vai a minha oração de louvor? Eu sei louvar ao Senhor? Sei louvar ao Senhor quando rezo o Glória ou o Sanctus, ou movo somente a boca sem usar o coração?'. O que me diz Davi, dançando? E Sara, dançando de alegria? Quando Davi entra na cidade, começa outra coisa: uma festa!".

"A alegria do louvor nos leva à alegria da festa, acrescentou Francisco. A festa da família. Quando Davi entra no palácio, recordou o Papa, a filha do Rei Saul, Micol, o repreende e lhe pergunta se não sente vergonha por ter dançado daquela maneira diante de todos, já que ele era o rei. Micol desprezou Davi":

"Eu me pergunto quantas vezes nós desprezamos no nosso coração pessoas boas, que louvam ao Senhor como bem entendem, assim espontaneamente, porque não são cultas, não seguem atitudes formais? Mas, desprezo! E diz a Bíblia que Micol ficou estéril por toda a vida devido a isso! O que quer dizer a Palavra de Deus aqui? Que a alegria, que a oração de louvor nos torna fecundos! Sara dançava no auge da sua fecundidade, aos 90 anos! Aquele homem ou aquela mulher que louva ao Senhor, que reza louvando Ele, que que reza com alegria, é um homem ou uma mulher fecundo".

Pelo contrário, advertiu Francisco, "os que se fecham na formalidade de uma oração fria, comedida, talvez acabem como Micol: na esterilidade de sua formalidade". O Papa então convidou a imaginar Davi que dança com todas as suas forças diante do Senhor e concluiu: "Nos fará bem repetir as palavras do Salmo 23 que rezamos hoje: 'Levantai, ó portas, os vossos frontões, elevai-vos antigos portais, para que entre o rei da glória!'".

Com informações da Rádio Vaticano.
Da redação do Portal Ecclesia.

Relicário com sangue de João Paulo II é roubado de Igreja na Itália

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Um relicário contendo o sangue do beato João Paulo II foi roubado durante o fim de semana de uma Igreja do centro da Itália e 50 agentes da polícia fazem buscas na região para encontrá-la, indicou a imprensa nesta segunda-feira (27).

A relíquia foi roubada há dois dias junto com um crucifixo na pequena Igreja de San Pietro della Ienca, em uma região montanhosa de Abruzzo, um local muito frequentado pelo popular papa polonês, que costumava passear ou esquiar na área, segundo o jornal La Repubblica. Os policiais realizam as buscas com ajuda de cachorros especialmente treinados e a procuradoria de L'Aquila abriu uma investigação.

Segundo Pasquale Corriere, presidente da associação cultural "San Pietro della Ienca" citado pela imprensa local, só há três frascos no mundo com sangue de João Paulo II. Outro relicário com uma ampola de sangue do Papa polonês que ocupou o trono de Pedro por quase 27 anos foi roubado em agosto de 2012 e encontrado horas depois.

João Paulo II e o Papa italiano João XXIII serão canonizados no dia 27 de abril em uma celebração única no Vaticano, anunciou em setembro o Papa Francisco. No dia 27 de abril é celebrada a Divina Misericórdia, uma festa criada por João Paulo II.

Com informações de Correio Brasiliense.
Da redação do Portal Ecclesia.

Padre Djacy Brasileiro celebra seus 20 Anos de Sacerdócio na Paróquia Menino Jesus de Praga

domingo, 26 de janeiro de 2014




Na manhã deste domingo(26/01) o Padre Djacy Brasileiro celebrou antecipadamente, junto com a comunidade dos Bancários, seus 20 anos de Ministério Sacerdotal que será na próxima terça(28/01).
 Os fiéis da Paróquia Menino Jesus de Praga rezaram pela vida deste grande Pastor, "O Profeta do Sertão".
 Diácono Roberto conduziu as orações
 A celebração foi animada com muita unção pelos jovens do Ministério de Música Querubins
 

Ao final da Santa missa, o Padre Marcondes Meneses cantou a Música "Te amarei Senhor" em homenagem ao ministério sacerdotal do Padre Djacy.


  Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos da Celebração
 
http://armaduradcristao.blogspot.com.br/2014/01/padre-djacy-brasileiro-celebra-na.html 

Papa Francisco convida fiéis a construírem pontes de diálogo

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Na missa desta sexta-feira (24), o Papa Francisco dedicou sua homilia para falar da necessidade de escuta e reconciliação. Ele reconheceu que não é fácil construir diálogo com os outros, especialmente quando há algum rancor; mas, segundo ele, o cristão precisa seguir o caminho da humildade ensinado por Jesus.

A homilia de hoje deu continuidade às reflexões do Papa ontem, quando ele falava dos fatores que dividem e destroem as comunidades cristãs. No centro da liturgia estiveram, novamente, o Rei Saul e Davi. Apesar de ter a oportunidade de matar Saul, Davi escolheu o caminho do diálogo para estabelecer a paz entre eles.

"Para dialogar é necessário ter humildade, sem gritar. É necessário também pensar que a outra pessoa tem algo a mais que eu, e Davi pensava assim. Para dialogar é preciso fazer aquilo que pedimos, hoje, na oração, no início da missa: 'fazer tudo a todos'".

Francisco reconheceu que é difícil construir pontes de diálogo com o outro, mas, pior do que isso, é deixar o coração ser tomado pelo rancor. Essa atitude, segundo ele, leva o homem a isolar-se no amargo ressentimento. O cristão, em vez disso, deve seguir o exemplo de Davi, que superou o ódio com um ato de humildade.

Mas o Papa lembrou que é preciso também agir rápido quando há algum problema, procurando logo o diálogo e a aproximação. Isso porque o tempo faz o muro do ressentimento crescer, e, quando isso acontece, a reconciliação se torna mais difícil.

"Tenho medo desses muros que crescem, a cada dia, e favorecem os ressentimentos. Também o ódio. Pensemos no jovem Davi: poderia vingar-se, perfeitamente; poderia mandar o rei embora, mas escolheu o caminho do diálogo, com humildade e doçura. Hoje, podemos pedir a São Francisco de Sales, doutor da doçura, que dê a todos nós a graça de fazer pontes com os outros, nunca muros".

Com informações de Canção Nova Notícias.
 
Da redação do Portal Ecclesia.

Receberei o poder do Espírito Santo

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

http://cancaonova.com/portal/canais/pejonas/pejonas_msg_dia.php

A expressão “ser batizado no Espírito” significa justamente ser mergulhado n'Ele.
Pode-se dizer da peça banhada em ouro que ela é batizada no ouro, e quando o ouro adere àquela superfície, ela se torna totalmente diferente, adquire propriedades que antes não tinha. Era um pobre metal, mas agora ficou realmente dourado, pois o ouro aderiu àquela superfície.
O mesmo acontece conosco, quando pedimos o batismo no Espírito.
Se essa graça ainda não lhe sobreveio, ela pode acontecer nestes dias.
Rezemos juntos


Deus o abençoe!

Monsenhor Jonas Abib
Fundador da Comunidade Canção Nova


Proteger a pequenez humana para dialogar com Deus, pede Papa

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Na missa desta terça-feira, 21, Papa Francisco refletiu sobre o relacionamento entre o homem e Deus, o que não se configura como um diálogo com a massa, mas sim algo pessoal. O Santo Padre disse ser preciso proteger a pequenez humana para dialogar com a grandeza de Deus.

O Senhor e os pequenos. Papa Francisco focou sua homilia neste binômio, destacando que o relacionamento de Deus com o seu povo é sempre de pessoa a pessoa, chamando-as pelo nome. Como exemplo, o Santo Padre citou o episódio da criação, quando Deus, com suas próprias mãos, fez o homem e deu-lhe um nome: Adão.

"E assim começa aquela relação entre Deus e a pessoa. E tem uma outra coisa, há uma relação entre Deus e nós pequenos: Deus, o grande, e nós pequenos. Deus, quando deve escolher as pessoas, também o seu povo, sempre escolhe os pequenos".

Nessa escolha se reflete, segundo o Papa, o diálogo entre Deus e a pequenez humana. Deus sempre escolhe os pequenos porque vê o coração, ao passo que o homem olha para a aparência. "O Senhor escolhe segundo os seus critérios", disse o Pontífice recordando a primeira leitura do dia, que narra a escolha de Deus por Davi, o menor dos filhos de Samuel.

"Todos nós, com o Batismo, fomos eleitos pelo Senhor. Todos fomos eleitos. Escolheu-nos um por um. Deu-nos um nome e nos olha. Há um diálogo, porque assim ama o Senhor. Também Davi depois se tornou rei e errou. Talvez fez tantas coisas, mas a Bíblia nos conta dois erros fortes. E o que fez Davi? Humilhou-se. E retornou à sua pequenez, pediu perdão".

O Papa destacou que, com esta atitude de reconhecer-se pecador e pedir que Deus punisse somente a si e não a seu povo, Davi protegeu a sua pequenez, com a oração, com o pranto. E pensando neste diálogo entre Deus e a pequenez humana, Francisco questionou-se onde está a fidelidade cristã.

"A fidelidade cristã, a nossa fidelidade, é simplesmente proteger a nossa pequenez, para que possa dialogar com o Senhor. Proteger a nossa pequenez. Por isso, a humildade e mansidão são tão importantes na vida do cristão, porque é uma proteção à pequenez, à qual o Senhor gosta de olhar".

Fonte: Canção Nova Notícias
Da redação do Portal Ecclesia.

Papa irá concluir Semana de Oração pelos Cristãos neste sábado

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

O Papa Francisco presidirá neste sábado, 25, na basílica de São Paulo Fora dos Muros, a celebração das vésperas por ocasião da solenidade da conversão de São Paulo apóstolo e também para concluir a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos.

Na quinta-feira, na paróquia dedicada ao Santos Mártires de Uganda, no bairro Ardeatino, em Roma, os representantes das diversas confissões cristãs estarão reunidos "para pedir o dom da unidade". A iniciativa acontece por ocasião da vigília ecumênica diocesana que tradicionalmente é realizada durante a Semana de Oração.

A liturgia será presidida pelo bispo dom Paolo Schiavon e a pregação estará a cargo dos pastor anglicano Boardman. As ofertas recolhidas durante a oração serão revertidas à prisão de Rebibbia. "Hoje - diz dom Marco Gnavi, encarregado do escritório diocesano para o ecumenismo e o diálogo inter-religioso - existe um déficit de esperança, justamente devido às divisões. Mas Igrejas e comunidades eclesiais se encontram, mesmo nas divisões, diante de desafios comuns".

Na paróquia dos Santos Mártires de Uganda estarão reunidos em oração, católicos, ortodoxos, representantes do Patriarcado Ecumênico, cristãos eritreus, etíopes, anglicanos, luteranos, batistas e metodistas. Seguirão o esquema oferecido pelo grupo ecumênico canadense.

"O fio condutor da oração - explica dom Gnavi - será o dom que cada um pode representar para o outro e terá o seu coração na liturgia da palavra e nos comentários bíblicos".

Fonte: Canção Nova Notícias
Da redação do Portal Ecclesia.

Cristãos não podem ceder à tentação do mundo, destaca Papa

sábado, 18 de janeiro de 2014

 
O dom de ser filhos de Deus não se pode “vender” por um mal entendido sentido de “normalidade” que induz a esquecer a sua Palavra e a viver como se Deus não existisse. Essa é a reflexão proposta pelo Papa Francisco em Missa nesta sexta-feira, 17, na Casa Santa Marta.

Francisco referiu-se à tentação de querer ser “normal” quando, em vez disso, se é filho de Deus. Trata-se, em essência, de querer ignorar a Palavra de Deus e seguir a palavra da própria vontade, escolhendo, de certo modo, “vender” esse dom de ser filho de Deus para imergir-se em uma “uniformidade mundana”.

“A normalidade da vida exige do cristão fidelidade à sua eleição e não vendê-la para seguir rumo a uma uniformidade mundana. Esta é a tentação do povo e também a nossa. Tantas vezes esquecemos a Palavra de Deus e adotamos aquela da moda, não é? Também aquela da novela é da moda, adotamos aquela, é mais divertida!”.

O Santo Padre reconheceu que o cristão deve ser normal como qualquer pessoa, mas há valores que não pode adotar para si. Então é preciso pautar-se pela Palavra de Deus, resistindo à tentação de se considerar vítima de um certo “complexo de inferioridade, de não se sentir uma “povo normal”. Essa tentação, segundo o Papa, endurece o coração e isso impossibilita a entrada da Palavra de Deus.

Francisco concluiu a homilia exortando todos a pedirem a graça de superar o egoísmo de querer fazer as coisas segundo a própria vontade. “O Senhor nos dê a graça de um coração aberto para receber a Palavra de Deus e meditá-la sempre. E dali adotar o verdadeiro caminho”.

Fonte: Canção Nova Notícias
Da redação do Portal Ecclesia.

Missa em Ação de Graças pela Urbanização e Entrega das Casas do Timbó

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

 
Uma noite para celebrar a gratidão a Deus pela vitórias conquistadas pela comunidade do Timbó com a urbanização das suas ruas e a construção de 136 unidades habitacionais. 
 
 A santa missa presidida pelo Padre Marcondes marcou a entrega das 136 casas.
 
Na celebração estiveram presentes aproximadamente 600 pessoas da comunidade e contou com a presença do secretário Geraldo Amorim, representando o prefeito, da chefe de gabinete do Governo do Estado da Paraíba Estela Bezerra, do presidente da Codata Krol Jânio, do presidente do Rotary Bancários André Lúcio, do Governador Assistente do Rotary João Eduardo Melo, entre outras autoridades. 
 
Padre Marcondes fez um breve histórico das lutas empreendidas, com a junção de forças das instituições civis com o povo do Timbó, para reivindicar aos órgãos governamentais, que teve como resultado a colheita dos frutos desta vitória.
 O Armadura do Cristão esteve presente  desde o início desta luta, registrando todos os momentos do SOS TIMBÓ. Na foto abaixo, João Eduardo(Rotary Bancários), Estela Bezerra(representante do Governo) e Abelardo Maia(Armadura do Cristão).


Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos registradas pelo Armadura do Cristão 

http://armaduradcristao.blogspot.com.br/2014/01/missa-em-acao-de-gracas-pela-entrega.html

Dom Orani Tempesta agradece por sua nomeação como cardeal

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

"Nós louvamos a Deus por isso. Agradeço muito ao Santo Padre por essa deferência de poder fazer parte de seu conselho próximo. Bendigo a Deus e peço a Ele o necessário para servir a Igreja nessa missão". Estas foram as palavras de agradecimento do arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani Tempesta, neste domingo, 12, após recebera notícia de sua nomeação como cardeal.

O anúncio foi feito após a oração mariana do Angelus, na praça São Pedro. O próprio Papa Francisco deu a notícia ao mundo, lembrando que, no próximo dia 22 de fevereiro, haverá o consistório para a criação desses novos cardeais.

Dom Orani é o único brasileiro na lista dos 19 novos cardeais da Igreja. Destes, três são eméritos. "Rezemos pelos novos cardeais, a fim de que, revestidos das virtudes e dos sentimentos do Senhor Jesus (Rm 13,14) Bom Pastor, possam ajudar mais eficazmente o bispo de Roma em seu serviço à Igreja universal", disse o Papa após o anúncio.

A irmã de dom Orani, Ondina Tempesta, festejou ao saber que seu irmão é o mais novo integrante do colégio cardinalício. "Estamos muito contentes. Essa notícia causou uma festa em nossa casa e em nossa família. Meu irmão é uma pessoa maravilhosa que prega o Evangelho em qualquer lugar. Desejamos que ele seja muito feliz nessa caminhada e que tenha saúde para realizar o melhor. Queremos abraçá-lo de todo o coração".

Fonte: Canção Nova Notícias
 
Da redação do Portal Ecclesia.

A fé pode tudo, mas é preciso confiar em Deus, diz Papa

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

 
Na Missa desta sexta-feira, 10, na Casa Santa Marta, Papa Francisco refletiu sobre a força da fé cristã. Segundo ele, a fé pode tudo, mas é preciso ter coragem de confiar em Deus. Cristãos convencidos pela metade, por sua vez, são cristãos derrotados.

No centro da homilia do Papa esteve o trecho da Primeira Leitura do dia, em que São João destaca aquela palavra que para ele é uma expressão da vida cristã: “Permanecer no Senhor”. Francisco explicou que isso é obra do Espírito Santo e da fé e produz um efeito concreto.

“Da nossa parte, a fé. Da parte de Deus – por este ‘permanecer’ – o Espírito Santo, que faz esta obra de graça. E esta é a vitória que venceu o mundo: a nossa fé! A nossa fé pode tudo! É vitória! E seria belo se repetíssemos isso também nós, porque muitas vezes somos cristãos derrotados. A Igreja está cheia de cristãos derrotados, que não acreditam nisto, que a fé é vitória”.

Francisco acrescentou que esta fé pede duas atitudes do ser humano: confessar e confiar. Antes de tudo, confessar Deus que se revelou ao mundo, o que se faz na oração do Credo. Porém, o Papa ressaltou a diferença existente entre recitar o Credo de coração ou fazê-lo como um “papagaio”.

“Creio em Deus, creio em Jesus, creio… Eu creio naquilo que digo? Esta confissão de fé é verdadeira ou eu a digo de memória, porque se deve dizer? Confessar a fé! Toda, não uma parte!”.

Um sinal de uma boa confissão de fé, segundo o Santo Padre, é a capacidade de adorar Deus. Mas para ele o “termômetro” da vida da Igreja está um pouco baixo nisto, pois há pouca capacidade de adorar. “Porque na confissão da fé nós não estamos convencidos ou estamos convencidos pela metade”.

Sobre a necessidade de confiar em Deus, Francisco destacou que esta atitude leva à esperança. “Se nós cristãos acreditamos confessando a fé, também protegendo, fazendo a custódia da fé e confiando em Deus, seremos cristãos vencedores. E esta é a vitória que venceu o mundo: a nossa fé”.

Fonte: Canção Nova Notícias 
 
Da redação do Portal Ecclesia.

Armadura do Cristão abraça o Projeto Sangue de Nossas Veias

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

  O Blog Armadura do Cristão abraçou o Projeto Sangue de Nossas Veias. O Diretor do blog Abelardo Maia e o atleta André Sena firmaram parceria para divulgação do Projeto.


PROJETO SANGUE DE NOSSAS VEIAS

O Projeto Sangue de Nossas Veias é uma iniciativa sem fins lucrativos que visa ajudar crianças e adolescentes portadoras de câncer, incentivar a doação de sangue, além da coleta de alimentos, brinquedos e roupas para os flagelados da seca.


 


Durante uma expedição de 23 dias de bicicleta, o instrutor da National Outdoor Leadership School (NOLS), Edmilson Fonseca, e o industriário e educador ao ar livre, André Sena, vão cruzar a Paraíba de Oeste a Leste em um trajeto de 1.000km para arrecadar doações para a Associação Donos do Amanhã, incentivando a doação de sangue, e coletando alimentos, brinquedos e roupas para os flagelados da seca.

O objetivo é alertar sobre a importância do diagnóstico precoce, alimentação saudável e qualidade de vida. Dois atletas paraibanos – irmãos de sangue – resolveram se unir em defesa de uma causa: ajudar crianças com câncer na Paraíba, divulgando ainda a necessidade e importância da doação de sangue e o combate à fome.

A expedição terá um percurso de 1.000 km e o público poderá acompanhar a trajetória percorrida por meio de uma ampla divulgação nas redes sociais, site na internet e nos veículos de comunicação. A dupla fará, durante a expedição, palestras nas escolas de ensino médio, centros comunitários e sedes dos Sebraes em nove cidades polos – Cajazeiras, Sousa, Itaporanga, Piancó, Patos, Sumé, Monteiro, Campina Grande, Bananeiras, Araruna, Guarabira e João Pessoa.

Já está disponível a conta para doações em dinheiro que serão totalmente destinadas a Associação Donos do Amanhã, e terá como objetivo a construção da nova casa de acolhimento das crianças com câncer.
Doe qualquer quantia:
Banco do Brasil – Agência: 1636-5 e Conta Corrente: 16274-4.

Maiores informações pelos canais:

Site: www.vidaaoarlivre.com
Facebook: sanguedenossasveias
Instagran: @vidaoutdoorbr
 


Papa visita presépio na periferia de Roma: "Passou o Natal, mas Jesus permanece conosco"

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

O Papa Francisco visitou nesta segunda-feira, 6, à tarde, a paróquia romana de Santo Afonso Maria de Ligório, onde centenas de pessoas o aguardavam para ver o presépio vivo preparado por paroquianos com cerca de 200 figurantes. Ao chegar, o Pontífice passou pelas numerosas cenas da montagem, cumprimentando um a um todos os participantes. Alguns "pastores" chegaram até a colocar um cordeirinho sobre seus ombros.

O Papa fez a visita acompanhado do cardeal vigário de Roma, Agostino Vallini, atendendo ao convite do pároco, padre Dario Pompeo Criscuoli. Chegou pouco depois das 16h, a bordo de seu Ford Focus, e foi acolhido por um grupo de crianças que lhe ofereceram um maço de rosas brancas e uma meia cheia de chocolate e balas.

Depois de uma oração em forma privada, o Papa cumprimentou os portadores de deficiência, doentes e crianças que o aguardavam. Antes de regressar ao Vaticano, Francisco abençoou Maria, José e Jesus, que foi interpretado por um pequeno bebê de dois meses batizado como Francisco: "Eu os agradeço pelo acolhimento, pelo seu fervor cristão e por esse belo presépio que fizeram", disse.

Despedindo-se dos fiéis, Francisco assegurou que "Jesus está sempre conosco"; e fez uma invocação a Jesus, José e Maria.

O pároco, emocionado, revelou à imprensa que o Papa o elogiou pessoalmente por conta da iniciativa: "Ele me disse que eu sou louco, mas que essa é uma loucura que Deus gosta", contou o religioso.


Fonte: Rádio Vaticano
Da redação do Portal Ecclesia.

Papa Francisco anuncia peregrinação à Terra Santa de 24 a 26 de maio

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

O Papa Francisco irá à Terra Santa de 24 a 26 de maio próximos, numa peregrinação que prevê passagens por Amã, (Jordânia), Belém e Jerusalém.

Em um "clima de alegria, típico deste período natalino", o próprio Pontífice fez o anúncio da viagem durante o encontro com os fiéis para a oração do Angelus, na praça São Pedro.

"O objetivo principal é comemorar o histórico encontro entre o Papa Paulo VI e o Patriarca de Constantinopla, Atenágoras, que teve lugar exatamente no dia 5 de janeiro, como hoje, 50 anos atrás", explicou Francisco.

"As etapas serão três: Amã, Belém e Jerusalém. No Santo Sepulcro celebraremos um encontro ecumênico com todos os representantes das Igrejas cristãs de Jerusalém e com o Patriarca Bartolomeu, de Constantinopla. Desde agora, peço que rezem por esta peregrinação", acrescentou.

Esta será a segunda grande viagem internacional de Francisco no pontificado que começou em março passado, depois de ter visitado o Brasil, (Rio de Janeiro e o Santuário de Aparecida), em julho passado, no contexto da XXVIII Jornada Mundial da Juventude.

A peregrinação à Terra Santa retomará o testemunho realizado por seu predecessor, Bento XVI, de 8 a 15 de maio de 2009, quando o hoje Papa emérito visitou Jordânia, Jerusalém, Belém e Nazaré.

Francisco será o quarto Pontífice que viajará à Terra Santa, depois dos passos de João Paulo II, que o fez de 20 a 26 de março de 2000 e do próprio Paulo VI, o primeiro, cuja viagem se deu há cinquenta anos, de 4 a 6 de janeiro de 1964.

Fonte: Rádio Vaticano
 
Da redação do Portal Ecclesia.

Mais de 6,6 milhões de fiéis participaram das atividades com o Papa Francisco em 2013

domingo, 5 de janeiro de 2014

A Prefeitura da Casa Pontifícia informou em comunicado que desde a eleição do Papa Francisco no dia 13 de março do ano passado, mais de 6.600.000 fiéis participaram dos diversos encontros com o Santo Padre.

Segundo as cifras, nas audiências gerais participaram 1.548.500, pessoas, nas audiências especiais estiveram 87.400 pessoas.

Do mesmo modo, nas celebrações litúrgicas na basílica vaticana e na praça de São Pedro estiveram presentes 2.282.000 de fiéis, Angelus e Regina Coeli outros 2.706.000.

Estes dados se referem somente aos encontros que ocorreram no Vaticano e não incluem outros atos com grande participação de fiéis, como a viagem apostólica ao Brasil no mês de julho pela JMJ no Rio de Janeiro, e também as viagens na Itália a Lampedusa, Cagliari e Assis, assim como as visitas na diocese de Roma. O total dos fiéis se estima em 6.623.900.

A Prefeitura da Casa Pontifícia recorda que se trata de dados aproximados, calculados sobre a base das petições de participação nos encontros com o Papa e dos convites distribuídos pela prefeitura.

Do mesmo modo, realizou-se uma estima do número de presenças em momentos como o Ângelus e as grandes celebrações na praça de São Pedro.

Fonte: ACI Digital
 
Da redação do Portal Ecclesia.

O Espírito Santo é a força que anima os construtores da paz, diz Papa

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014


"Caros irmãos e irmãs, no início do novo ano a todos dirijo os mais cordiais votos de paz e de todos os bens. A todos faço votos de um ano de paz, na graça do Senhor e com a proteção materna de Maria".

Estes foram os votos de Ano Novo do Papa Francisco no Angelus desta quarta-feira, 1º, solenidade de Santa Maria Mãe de Deus e também 47º Dia Mundial da Paz.

Dirigindo-se à imensa multidão reunida na praça de São Pedro, o Santo Padre observou que os seus votos de bom ano são os votos da Igreja, votos cristãos, não ligados a um sentido um tanto mágico e fatalista de um novo ciclo que agora inicia...

"Nós sabemos que a história tem um centro: Jesus Cristo, encarnado, morto e ressuscitado; tem um fim: o Reino de Deus, Reino de paz, de justiça, de liberdade, de amor; e tem uma força que a move em direção àquele fim: o Espírito Santo", destacou o Pontífice.

Francisco explicou que este Espírito é a potência de amor que fecundou o ventre da Virgem Maria e é o mesmo que anima os projetos e as obras de todos os construtores de paz.

"Duas estradas se entrecruzam hoje - a festa de Maria Santíssima Mãe de Deus e Dia Mundial da Paz", ressaltou o Papa.

Sobre o Dia Mundial da Paz, o Santo Padre recordou o tema deste ano - "Fraternidade, fundamento e caminho para a paz" -, e a mensagem a todos dirigida a esse propósito.

"Na base está a convicção de que somos todos filhos do único Pai celeste, fazemos parte da mesma família humana e partilhamos um destino comum".

Daqui deriva para cada um a responsabilidade de atuar para que o mundo se torne uma comunidade de irmãos que se respeitam, se aceitam na sua diversidade e cuidam uns dos outros.

"Somos também chamados a darmo-nos conta das violências e das injustiças presentes em tantas partes do mundo e que não nos podem deixar indiferentes e imóveis: é necessário o empenho de todos para construir uma sociedade verdadeiramente mais justa e solidária".

O Santo Padre fez votos de que todos os crentes peçam ao Senhor o dom da paz.

"Neste primeiro dia do ano, que o Senhor nos ajude a encaminharmo-nos mais decididamente pelos caminhos da justiça e da paz; que o Espírito Santo atue nos corações, desfaça a rigidez e durezas e nos conceda a graça de nos enternecermos diante da fragilidade do Menino Jesus. A paz, de fato, exige a força da doçura, a força não violenta da verdade e do amor".

Fonte: Canção Nova Notícias

Da redação do Portal Ecclesia.

Missa de Ano Novo

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Nesta última terça-feira, fiéis foram agradecer à Deus pelo ano de 2013 na missa de Ano Novo na Paróquia Menino Jesus de Praga.

A celebração foi presidida pelo Padre Marcondes e pelo Diácono Roberto
Foi animada pelo Ministério de Música Kairós
 

 Nesta noite também foi feito o sorteio da Moto no final da Santa Missa

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos registradas pelo Armadura do Cristão
http://armaduradcristao.blogspot.com.br/2014/01/missa-da-vespera-de-ano-novo.html

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

PC Magazine

PC Magazine
Informática e Eletrônicos

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Fotos

Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sexta-feira -06:00hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

Siga o Armadura por e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

blog do João Eduardo

Conselho de Segurança Comunitário dos Bancários

Arquivos Obras Timbó