Que nosso olhar seja revestido pela graça de Deus

terça-feira, 29 de novembro de 2016

 

Precisamos deixar que Deus ilumine nosso olhar, para contemplarmos o Seu Reino presente no meio de nós

“Felizes os olhos que veem o que vós vedes!” (Lucas 10, 23).

Jesus está exultando de alegria pelo Pai, louvando e bendizendo, porque não foi aos sábios, aos grandes, poderosos e entendidos que o Pai revelou os segredos do Reino, mas aos humildes de coração, àqueles que dispõe do seu coração qualquer soberba e orgulho, e o abrem para contemplar as manifestações de Deus no meio de nós.
Deixe-me dizer ao seu coração: onde está a mão de Deus, que não a vejo? Onde está a graça de Deus quando me toca? Onde estão os prodígios de Deus que as pessoas exultam e eu não consigo ver? Felizes os humildes, os bem-aventurados, aqueles que estão na humildade de coração, porque são esses que contemplam a glória, a ação, a graça de Deus agindo no meio de nós!
O problema não é a mão de Deus, que não está agindo, o problema é o nosso coração que não se despiu, não se revestiu de graça e humildade. Se não lapidarmos esse coração, se não o tirarmos daquelas disputas humanas e pretensões covardes, as quais, muitas vezes, a humanidade nos impõe, não conseguiremos ver o Reino de Deus, as graças d’Ele acontecendo.
Jesus, agindo no meio de Seu povo, fez graças, prodígios, milagres, mas muitos não puderam tocar, ver e contemplar. Mesmo aqueles milagres que foram feitos à vista de muitos, não passou de fatores humanos para alguns, porque não estavam revestidos com o olhar da fé, sobretudo, com a humildade que os une aos desígnios de Deus, a graça d’Ele acontecendo no meio de nós.
Amados irmãos, o Reino de Deus está acontecendo, Ele está no meio de nós. Precisamos nos revestir da graça para vê-lo acontecendo! Precisamos mudar essa mentalidade, essa maneira de enxergarmos a vida. Não podemos continuar enxergando as coisas somente pela nossa maneira de ver, porque essa maneira é, às vezes, revestida de elementos que vamos adquirindo ao longo da história, da vida; eles são fantasiosos, enganosos e mentirosos, revestidos de ilusão e, acima de tudo, de pretensões humanas.
Quando colocamos nossas pretensões humanas à nossa frente, não conseguimos tocar na graça de Deus. Essa sim [graça de Deus] cura a nossa humanidade, coloca a nossa humanidade na sintonia e na graça do divino. Permita que seus olhos vejam, que contemplem!
Você pode olhar para uma pessoa e ver nela ódio, rancor, ressentimento e raiva. Escuto tantas vezes as pessoas dizerem: “Eu não vou com a cara daquela pessoa!”. O problema não é a cara da pessoa, o problema é o nosso olhar, é a maneira como olhamos para o outro.
Você pode olhar para uma pessoa jogada, prostrada no chão e dizer que é um bandido, que é alguém que não deu valor à vida, mas você também pode olhar para ela com o olhar de Deus e dizer: “É Jesus quem está ali, precisando de mim e dos meus cuidados!”.
O problema não é aquilo que vemos, mas o que o nosso olhar capta. Se o nosso olhar se reveste da graça, veremos a graça de Deus acontecendo no meio de nós; mas se estamos com o olhar obcecado pela amargura, pelos ressentimentos, pela visão secularista e mundana, vamos ver as pessoas, as coisas, o mundo, a vida a partir disso.
Se nossa visão de vida é baseada apenas em valores ou cifras econômicas, podemos perceber que tudo o que olhamos é visto com o olhar de avareza, de posse e dinheiro. Se nosso olhar é revestido da humildade cristã, é revestido do olhar de Cristo, você olha para coisas com amor e caridade, e é capaz de enxergar a presença de Deus mesmo em meio à coisas desastrosas que não entendemos nem compreendemos.
O que transforma nosso mundo, sobretudo o mundo interior que há em nós, é o olhar, a visão que temos. Precisamos deixar que Deus ilumine nosso olhar  para contemplarmos o Seu Reino presente no meio de nós!

Deus abençoe você!
 
Fonte: Canção Nova

0 comentários:

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson
Bênção da reforma da Capela Santo Antônio

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

PC Magazine

PC Magazine
Informática e Eletrônicos

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Fotos

Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sexta-feira -06:00hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

Siga o Armadura por e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó