Ser humilde é colocar o outro em primeiro lugar

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

 

Humildade não buscar a própria satisfação, mas colocar o outro em primeiro lugar

“Quem quiser tornar-se grande, torne-se vosso servidor; quem quiser ser o primeiro, seja vosso servo” (Mt 20, 26-27).

       Dentro do nosso coração há sempre ambições, as quais, muitas vezes, comandam nossa vontade e disposição. Queremos ser sempre mais, ter mais e poder mais.
Veja as mãe dos filhos de Zebedeu. Ela tem a ambição de que seus filhos sejam reconhecidos, engrandecidos. É verdade que toda mãe tem de ambicionar o melhor para seus filhos, mas essa missão não pode se tornar uma competição ou algo que simplesmente nos torne melhores ou mais que os outros.
      A missão tem que ser sempre essa: “Eu posso ser melhor do que eu mesmo, posso superar-me a cada dia, posso ser mais a cada dia!”. Nunca pode ser: “Eu devo ser mais que o outro, melhor que o outro, mais importante do que o outro, porque esse tipo de ambição, sobretudo o orgulho e a soberba, geram males dentro de nós e nos colocamos acima dos outros, faz com que nos sentamos melhores que os outros ou querermos ser melhores que eles. Quando isso não acontece, uma insatisfação é gerada dentro do nosso coração, da nossa alma. Ficamos tristes, deprimidos, sentimo-nos a pior das pessoas, vivemos um complexo de superioridade, porque nos sentimos melhores do que os outros, ou de inferioridade, porque estamos sempre abaixo deles. Nem uma coisa nem outra.
        A humildade tem de ser a base que nos move e segura, que nos impulsiona a cada dia. Humilde é aquele que serve, que se coloca à disposição do outro e está sempre procurando fazer com que ele esteja bem e feliz.
A humildade ou o serviço ao Reino de Deus não é uma busca da própria satisfação, dos próprios interesses ou reconhecimentos. Humildade é, acima de tudo, colocar o outro em primeiro lugar. Não é desprezar-se, não cuidar de si, mas é a grandeza da alma, de uma alma generosa, longânime, que sabe ter nobreza de espírito: “Eu não sou melhor do que ninguém, eu não faço nada movido pela competição ou para ser mais do que alguém.”
        Este tempo santo é o tempo da Quaresma. Ao mergulharmos no Ano da Misericórdia, mergulhamos na pobreza do nosso coração, nas misérias pelas quais, muitas vezes, nos deixamos guiar, sobretudo o sentimento de grandeza, orgulho e soberba. Deixemos que nossa alma se acostume às coisas simples, modestas, e iremos saborear melhor a vida, a nossa relação com Deus será mais amorosa.
       Quando somos muito pretensiosos, quando queremos as coisas demais, nós nos perdemos, embaralhamo-nos, e a insatisfação toma conta de nós.

Deus abençoe você!

Fonte: Canção Nova

0 comentários:

Pesquisar neste Blog

Assessores dos juízes de primeiro grau do TJPB lançam a Campanha Corrente do Bem

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Corrente do Bem - Assessores 1º Grau - TJPB

Corrente do Bem - Assessores 1º Grau - TJPB
Em tempos de Pandemia, é hora da Solidariedade!

Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson
Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz

Fale conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Conselhos do Papa Francisco

Oração de exaltação a Santa cruz

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

Missa de Cinzas - Fotos

Missa de Cinzas - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Ajude o Laureano

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó