Como examinar a consciência

sábado, 31 de dezembro de 2016

 

Precisamos viver nossa vida para Deus, por isso a necessidade de examinarmos a nossa consciência

Hoje, voltamo-nos a Jesus para experimentarmos o poder da Sua Palavra. Você acredita que Jesus está presente na Palavra?
A Palavra meditada está no Evangelho de São Lucas 18, 9-14: “Para alguns que confiavam na sua própria justiça e desprezavam os outros, Jesus contou esta parábola: “Dois homens subiram ao templo para orar. Um era fariseu, o outro publicano. O fariseu, de pé, orava assim em seu íntimo: ‘Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros, ladrões, desonestos, adúlteros, nem como este publicano. Jejuo duas vezes por semana e pago o dízimo de toda a minha renda’. O publicano, porém, ficou a distância e nem se atrevia a levantar os olhos para o céu; mas batia no peito, dizendo: ‘Meu Deus, tem compaixão de mim, que sou pecador!’ Eu vos digo: este último voltou para casa justificado, mas o outro não. Pois quem se exalta será humilhado, e quem se humilha será exaltado”.
O Evangelho nos ajuda contando a história de dois homens. O evangelista São Lucas nos conta essa parábola, mas sabemos que as histórias de Jesus não eram invenções.

As histórias de Jesus contam a verdade!

Esses dois homens vão até Jesus para dizer o que estavam vivendo. O fariseu diz: “Deus, eu te agradeço, porque não sou como os outros. Eu jejuo duas vezes por semana e pago o dízimo”. Ele se gaba das suas atitudes, diz a todos o que faz. Já o publicano dizia a Jesus da sua miséria, batia no peito pedindo misericórdia.
A nossa justificação não deve ser diante dos outros, mas diante de Deus. Precisamos viver a nossa vida para Ele, por isso a necessidade de examinarmos a nossa consciência.

Sejamos transparentes!

Estamos a três dias de um novo ano, é a oportunidade de fazermos um bom exame de consciência, pois precisamos fazer o melhor para Deus. A nossa vida precisa ser colocada diante da transparência do Senhor!
Imagine se entrássemos em uma máquina de transparência e pudéssemos mostrar aquilo que verdadeiramente somos. O que será que essa máquina mostraria sobre nós?
Quando estamos diante de Deus, a nossa consciência precisa acusar aquilo que não pertence a Ele em nós. Não é apontar o dedo e dizer: “Você fez isso e aquilo!”, não é para mostrar aos outros o que estamos fazendo de bom ou de ruim.
Terminando essa parábola, Jesus conta que foi o publicano quem voltou justificado para casa.
É diante de um sacerdote que precisamos levar a nossa vida e as atitudes contrárias ao Evangelho. Existe uma lei natural que nos acusa quando cometemos algo errado. É só pararmos por dois minutinhos e pensarmos nas coisas erradas, que elas vêm. A nossa consciência nos acusa pelas coisas erradas, mas também nos aplaude quando fazemos coisas certas.

 Fonte: Canção Nova

0 comentários:

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson
Bênção da reforma da Capela Santo Antônio

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

PC Magazine

PC Magazine
Informática e Eletrônicos

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Fotos

Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sexta-feira -06:00hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

Siga o Armadura por e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó