Como deve ser a sua relação com Deus?

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

O discípulo e o seu Mestre

Você já se perguntou como deve ser a sua relação com Deus? Partindo dessa pergunta quero junto com você refletir a maneira como deveríamos nos relacionarmos com o Senhor. E para isso o melhor exemplo é do discípulo João, de quem o próprio Jesus denominou como sendo aquele que Ele mais amava. O laço que ligava João a Jesus era muito maior do que o laço próprio da missão e existia entre eles uma verdadeira amizade.
Antes, é preciso entender uma das origens da palavra “amizade”. O filósofo de Estagira, Aristóteles, define a amizade com o termo “philia”. Aristóteles escrevendo para o seu filho Nicômaco diz que a amizade perfeita é “Aquela que existe entre os homens que são bons e semelhantes na virtude, pois tais pessoas desejam o bem um do outro de modo idêntico e são bons em si mesmos […].
Como deve ser a sua relação com Deus?
Foto ilustrativa: Wesley Almeida/cancaonova.com
Aqueles que desejam o bem aos seus amigos por eles mesmos, são amigos no sentido mais próprio, porque o fazem em razão de sua natureza e não por acidente”. Com isso, podemos entender o verdadeiro sentido da amizade, pensemos, principalmente, nas figuras de Jesus e do Seu amigo João.
Jesus, em um dos seus momentos mais dramáticos, estavam de pé junto à Cruz d’Ele,  Sua Mãe, Maria de Cléofas e Maria Madalena. Jesus vê ao lado de Sua Mãe o discípulo que Ele amava e disse à Sua mãe: “Mulher, eis o Teu filho!”. E, depois, olhando para o discípulo disse: “Eis a Tua mãe!” (cf. Jo 19,25-27). Jesus, nesse momento, confia a Sua querida Mãe aquele para quem Ele confiava e tinha a certeza de que cuidaria com o mesmo amor, como Ele mesmo faria. Podemos, com atitude de Jesus, compreender o grau de intimidade que tanto Ele quanto João tinham um com o outro.

Sigamos o exemplo de João

O discípulo João não criou essa intimidade com o Senhor de maneira automática, mas certamente ele a cultivou. A amizade que você precisa ter com Deus requer esforço, perseverança e, acima de tudo, confiança. Como Aristóteles disse, a amizade é uma virtude, então precisa ser buscada, exercitada. Um amigo sempre vai querer o bem para o outro, não havendo busca de prazer ou interesse. E, quem melhor entende de amizade se não Aquele que foi chamado de “bom mestre?”.
Sim, meu caro! Jesus é esse especialista em amizade, pois o maior desejo d’Ele é o seu bem. Se podemos dizer que Jesus tem algum interesse, esse seria o seu bem e a sua salvação. Isso acontecerá cada vez que você tornar-se amigo de Jesus, quando você for verdadeiramente um discípulo aos pés do Mestre. Vejamos, agora, como João cultivou e fez em relação ao Seu mestre, para que passasse de um seguimento como o dos demais discípulos para ser uma relação de amor.

É preciso entender Jesus por dentro

Existe uma palavra que define bem a atitude de João em relação a Jesus, quando João reclinou a cabeça no peito do seu Mestre. A palavra é “auscultar”, que significa escutar por dentro, examinar o interior, muitas vezes, utilizando aparelhos. Com isso, podemos entender o movimento de João em direção a Jesus. Pois, o reclinar a cabeça era o desejo dele de examinar o Senhor por dentro, de conhecer o mais íntimo e profundo de Jesus. Essa atitude já era o discípulo dando sinais do desejo que tinha o seu coração, o de ter uma amizade verdadeira com o seu Mestre.
Mais uma vez nos deparamos com um momento de extremo sofrimento para Jesus. Contudo, o desfecho foi diferente do momento da Cruz. Agora, é João, o amigo do Senhor, que vem em socorro de Jesus no momento da traição. O Senhor anuncia a sua traição: um daqueles que Ele convidara para estar mais próximo, iria o trair.
Após Jesus ficar interiormente perturbado Ele diz: “Em verdade, em verdade vos digo: um de vós Me entregará” (cf. Jo 13,21). O fato do escritor sagrado ter feito questão de dizer que a perturbação foi interior, quer retratar que o coração do Senhor estava aflito. João, querendo o bem para Jesus, tenta com uma atitude de quem ama, confortar o Senhor: “O discípulo, então, recostando-se sobre o peito de Jesus, perguntou: ‘Senhor, quem é?’” (cf. Jo 13,25). O discípulo que Jesus mais amava quis, de alguma forma, amenizar o sofrimento do Senhor. João quis entender o Senhor por dentro, ele quis fazer parte da sua intimidade. E, com essa atitude, João ausculta o coração de Jesus usando o melhor equipamento, o próprio coração.

Jesus quer que sejamos íntimos d’Ele

Depois de perceber o modo como Jesus quer estar com você, isto é, numa relação entre dois verdadeiros amigos. Você pode ainda se perguntar: “Como faço para chegar à intimidade com o Senhor?”.
Sem dúvida de errar, falo a você que: o meio para se tornar íntimo e amigo de Jesus é a oração. E uma das mais belas definições do que é oração, é a que Santa Teresa de Jesus nos deixou: “Oração é um íntimo diálogo de amor, estando, muitas vezes, a sós com Aquele que nos ama”. Você, assim como eu, só conseguirá ser próximo de Jesus quando se dedicar à oração. E, quando falo em rezar, não digo de muitas horas e nem muitos recursos, mas de qualidade na oração.
O que você precisa saber é que, no momento que você se coloca em oração, você entra em diálogo íntimo com Aquele que te ama. É na oração que conhece o Senhor por dentro. Quando você ora, você volta o seu coração na direção do coração de Jesus e, assim, experimenta o amor de uma verdadeiro amigo.

Fonte: Canção Nova

0 comentários:

255ª Romaria da Penha

255ª Romaria da Penha
Fotos Romeiros

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Fale conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson
Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson
Bênção da reforma da Capela Santo Antônio

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Missa de Cinzas - Fotos

Missa de Cinzas - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Missa da Véspera de Natal

Missa da Véspera de Natal
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 , 11:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó