Como Cristo, que saibamos carregar a nossa cruz de cada dia

sexta-feira, 25 de setembro de 2015


Quem não quer passar pela cruz, pelo sofrimento, pela purificação das vias humanas, não poderá entrar no Reino da Glória.


O Filho do Homem deve sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da Lei, deve ser morto e ressuscitar no terceiro dia” (Lucas 9, 22).


Quando Jesus pergunta a Seus discípulos:Quem diz o povo que eu sou?” (Lucas 9, 18), na verdade, Jesus está perguntando o que o povo está entendendo; o que cada um deles, cada um de nós estamos entendendo, compreendendo sobre a identidade de Jesus, sobre a pessoa d’Ele.
Já viram tantos milagres, tantas curas, já viram a Sua ação profética, a Sua ação no meio do povo. E cada um capta, compreende, entende da sua maneira. E por isso, a Seus discípulos também pergunta: ‘Para vocês quem eu sou?’ ‘Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo!’, responde Pedro. Mas, Jesus os proíbe que falem sobre isso.
E por que Jesus proíbe? Porque na cabeça do povo e na cabeça dos próprios discípulos, o Messias é um ser glorioso, cheio de poder, de glória, de exultação, de exaltação. E Jesus quer ensinar, agora, qual é o significado profundo do ser Messias.
Ele é, acima de tudo, um homem como qualquer outro homem, por isso, que na condição humana vai sofrer muito, vai ser rejeitado, morto. Mas, a verdade maior e mais bela de todas é que no terceiro dia Ele vai ressuscitar.
Quem não é digno de abraçar o Cristo sofredor, crucificado, não pode abraçar o Cristo glorioso. Quem não quer passar pela cruz, pelo sofrimento, pela purificação das vias humanas, não poderá entrar no Reino da Glória.
Nós, muitas vezes, queremos saber da pompa, da glória, do reconhecimento, dos aplausos, mas o discípulo de Cristo é, acima de tudo, seguidor do Crucificado. Ele é identificado e se identifica com o Senhor, o servo sofredor, aquele que em tudo assumiu a condição humana e sobre si carregou nossas dores, nossos pecados e nossos sofrimentos.
Amados irmãos e irmãs, olhemos para Jesus crucificado, contemplemos n’Ele a nossa humanidade sofrida, machucada, doente. E com Ele aprendamos também a carregar a nossa cruz de cada dia!

Deus abençoe você!

Fonte: Canção Nova

0 comentários:

Como Retornar?

Como Retornar?
Dicas para voltar a ter intimidade com Deus

Pesquisar neste Blog

Liturgia Diária

Liturgia Diária
Canção Nova

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson

Comunidade do Timbó recebe Arcebispo Dom Delson
Bênção da reforma da Capela Santo Antônio

Seja um Padrinho Vem Cuidar de Mim

PC Magazine

PC Magazine
Informática e Eletrônicos

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Novo Arcebispo da Arquidiocese da Paraíba - Dom Delson

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos

Projeto "Igreja no Cinema" - Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração

10 Anos de Ordenação Diaconal - Fotos da Comemoração
Diácono Roberto Inocêncio

Fotos

Fotos
Paróquia Menino Jesus de Praga

Visitantes

Ajude o Laureano

Oração de exaltação a Santa cruz

Terço

Terço
Mãe da Divina Misericórdia

Mensagem

Campanha Vem Cuidar de Mim

Campanha Vem Cuidar de Mim
Assine aqui o abaixo assinado!

Conselhos do Papa Francisco

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

Reflexão

Frei Galvão

Frei Galvão
História

O Papa Francisco

O Papa Francisco
Vatican

Bíblia Católica On Line

Mensagem

Mensagem
Monsenhor Jonas Abib

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI
armaduradocristao@gmail.com

Horário das Missas na Paróquia Menino Jesus de Praga - Bancários

  • Quinta-feira - 19:30hs
  • Sexta-feira -06:00hs
  • Sábado - 19:00hs
  • Domingo - 8:00 e 17:00hs
  • Telefone: (83) 3235.5120

Siga o Armadura por e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

A ARMADURA DO CRISTÃO

A ARMADURA DO CRISTÃO
Leia Efésios 6, 10-20

Adoração ao Santíssimo

Adoração ao Santíssimo

Salmos on Line

Menino Jesus de Praga

Arquivos Obras Timbó